TURISMO DO PORTO E NORTE, AICEP E MUNICÍPIO DE VILA REAL LEVAM BARRO PRETO DE BISALHÃES À EXPO DUBAI 2020

18 maio 2021, 3:19 pm
Publicado em Notícias
Ler 187 vezes

dubai bp Foi assinado, no Palácio da Bolsa, no Porto, o protocolo de colaboração entre o Município de Vila Real, a AICEP e o Turismo do Porto e Norte que permitirá levar Bisalhães até ao Médio Oriente. Esta cerimónia contou com a presença do Presidente do Município e vereadores, do Presidente e elementos da Junta de Freguesia de Mondrões e de vários Oleiros ainda em atividade. Desta forma, o Município continua o seu trabalho de divulgação e promoção desta arte ancestral.

Entre 1 de outubro de 2021 e 31 de março de 2022 as atenções mundiais vão estar focadas no Dubai, onde se irá realizar a Expo 2020 Dubai, sob o lema “Connecting Minds, Creating the Future”. O Turismo do Porto e Norte, em colaboração com os Municípios de Gondomar, Miranda do Douro e Vila Real, vai aproveitar o momento para promover o destino naquela que é a primeira grande exposição mundial que se realiza no Médio Oriente e a maior de sempre. O destino Porto e Norte será representado pelo valor excecional da distinção Património da Humanidade a partir de uma programação cultural em torno do reconhecimento da Louça Preta de Bisalhães, Património Cultural Imaterial da Humanidade e ainda das candidaturas a património Unesco preconizadas pela Filigrana tradicional portuguesa e pelos Pauliteiros de Miranda.

A Louça Preta de Bisalhães, após classificação pela UNESCO, pertence a toda a Humanidade. Este património cultural, cujo processo de confeção o torna único e diferente, resulta de um conhecimento ancestral passado de geração em geração encontrando-se, também por isso, integrado na Lista do Património Cultural Imaterial que Necessita de Salvaguarda Urgente da UNESCO.

Ao levar esta tradição à Expo Dubai 2020 pretende-se promover a valorização do território onde é criado e vendido o Barro Preto de Bisalhães, em Vila Real, fomentando a visibilidade de um ativo diferenciador e identitário, não apenas daquele território, mas também do país, procurando, sempre, assegurar a sua continuidade no tempo.

Classifique este item
(0 votos)
Login para post comentários