VILA REAL É CANDIDATA ÀS 7 MARAVILHAS DOCES DE PORTUGAL

2 abril 2019, 9:57 am
Publicado em Notícias
Ler 582 vezes

selos doces Depois do sucesso alcançado com a eleição da Mesa de Vila Real como uma das 7 Maravilhas à Mesa de Portugal, Vila Real volta a apostar naquilo que tem de melhor para alcançar de novo o reconhecimento nacional, desta feita com a participação na iniciativa que elegerá as 7 Maravilhas Doces de Portugal.
Serão inúmeras as fases a percorrer, desde o início da Candidatura passando ao Painel de Especialistas com critérios muito rigorosos que escolherão 21 candidatos por Distrito ou Região Autónoma; Eliminatórias; O Grande Júri; Meias-Finais e a Finalíssima que ditará as 7 Maravilhas Doces de Portugal Continental e Ilhas.
Trata-se de um concurso mediático, com vasta transmissão através da RTP 1 entre os meses de abril e setembro, e que procurará explorar os melhores Doces, ora aqueles que já sejam conhecidos e reconhecidos mas, acima de tudo, pretende demonstrar ser o tempo e a oportunidade de revelar o desconhecido. De revelar aqueles doces que se encontram exclusivos a um território numa determinada zona do país e que somente são do conhecimento único de alguns privilegiados, mas que são merecedores de alcançar o seu lugar no ranking dos melhores.
Para o Presidente do Município, Rui Santos, “Vila Real tem nos seus produtos endógenos uma riqueza absolutamente inquestionável que prima, não só pela qualidade e variedade, bem como pela arte e pelo conhecimento dos seus mestres”.
Portanto, nesta candidatura, mediante os parâmetros das categorias correspondentes, foi unânime distinguir 4 doces facilmente reconhecidos como ex-líbris da cidade: Pito de Stª Luzia e Crista de Galo para a categoria de Doce de Território; Cavacório para a categoria de Biscoitos e Bolos Secos e Gancha de S. Brás na categoria de Doces Festivos.

Classifique este item
(0 votos)
Login para post comentários