Vila Real – uma montanha, um rio, uma cidade

20 novembro 2015, 12:00 am
Publicado em Notícias
Ler 2396 vezes

Expo Duarte Belo No dia 21 de novembro, é inaugurada, no Museu da Vila Velha, pelas 16 horas a exposição “Vila Real – uma montanha, um rio, uma cidade”. Aqui se exibirão cerca de uma centena de fotografias da autoria de Duarte Belo, que representam uma perspectiva pessoal do nosso concelho.

Sobre a exposição diz o fotógrafo: “A serra do Alvão fica bem próxima, a definir uma impressiva barreira para as terras litorais. Não longe, os vales do rio Corgo e do rio Cabril correm em vales cavados. Foi na sua confluência que se ergueu uma cidade, num promontório único em todo o espaço português. O povoamento destas terras começou há vários milhares de anos. Comunidades aqui foram deixando os vestígios da sua passagem na procura de lugares para habitar. Percorremos estas terras de enorme diversidade de paisagens, fazemos fotografias, registos de um tempo que vai passando. As imagens aqui apresentadas foram colhidas ao longo de cerca de 25 anos. Do alto da montanha, da Torre de Quintela, de algumas aldeias de ruralidade densa, da linha ferroviária do Corgo, da Central do Biel, da própria cidade de Vila Real, encontramos fragmentos de um mundo de carácter e identidade vincados, que nos devolvem a face de um povo”.

Duarte Belo (Lisboa, 1968) inicia, em meados dos anos 80, o mais extenso e abrangente levantamento fotográfico conhecido do espaço português. Desde essa altura que participa na divulgação da revelação de um país, da sua natureza geológica e coberto vegetal das paisagens, até à imensa complexidade das marcas deixadas no solo pelos gestos humanos que permanecem na terra ao longo de milénios e definem uma identidade colectiva.

Este trabalho, continuado em mais de 700.000 quilómetros percorridos em estrada ou a pé, deu origem a um arquivo fotográfico de mais de 1.350.000 fotografias. Publicou mais de 50 livros sobre o tempo e a forma do território português, dos quais se podem destacar Portugal - O Sabor da Terra (1997), ou Portugal Património (2007-2008). Realizou mais de 40 exposições individuais de fotografia. Participa regularmente em palestras, conferências e mesas redondas.

Pode ficar a conhecer-se melhor o trabalho deste fotógrafo seguindo os endereços www.duartebelo.pt e www.cidadeinfinita.blogspot.pt 

Classifique este item
(0 votos)
Login para post comentários