topo_dto
banner_fundo---Copy

florestaVai realizar-se na UTAD, entre 6 e 8 de Outubro próximo, um congresso internacional sobre florestas e alterações. Num contexto em que o mundo sofre alterações drásticas, entre as quais se destacam as do clima, a floresta funciona como um suporte de estabilidade, promotor da biodiversidade, fixador de carbono, entre outras funções extremamente importantes. Para reflectir sobre estes e outros temas irão reunir-se aqui alguns dos mais conceituados cientistas à escala mundial. As proveniências são as mais diversas: Estados unidos, Canadá, México, Chile, Brasil, Espanha, França, Bélgica, Alemanha, Suécia, Finlândia, Austrália, Nigéria, Irão, China, entre outros. Este congresso está aberto à população em geral interessada nestas temáticas. É suportado pela IUFRO e pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia. De entre várias Universidade e Institutos do País que estão na sua organização, cabe um papel importante ao Departamento de Ciências Florestais e Arquitectura Paisagista (da Escola das Ciências Agrárias e Veterinárias, da UTAD), como anfitrião. Muitas empresas locais e nacionais aderiram a patrocinar este evento. Ele inicia-se no dia 5 às 18.00h com um Ice-break, nos claustros da Câmara Municipal de Vila Real, onde será serviço um Porto de Honra.

http://www.forestchange2010.utad.pt/

circuito2010

Na sua edição número 279, o Programa “Biosfera” da RTP registou o trabalho de monitorização e preservação da borboleta azul (Maculinea alcon) que tem vindo a ser desenvolvido no Programa de Preservação da Biodiversidade de Vila Real. Numa visita ao campo de Lamas de Olo, foi possível verificar as últimas iniciativas levadas a efeito pela equipa da UTAD e pelo Município de Vila Real, para evitar o desaparecimento desta emblemática espécie. Como nota principal, regista-se o crescimento da população, facto que merece ser salientado e que representa um triunfo na defesa das espécies da fauna e flora locais.

ferias_bioA Câmara Municipal de Vila Real, através da Divisão do Planeamento e da Divisão de Educação e Desporto, lançou a actividade “Férias Desportivas com a Biodiversidade”. Esta iniciativa, que surge no Ano Internacional da Biodiversidade, pretende sobretudo divulgar junto dos nossos jovens os preciosos valores do património biológico e natural de Vila Real, procurando desta forma incutir-lhes os valores da preservação dessa enorme riqueza.
Vila Real aposta decisivamente na preservação da biodiversidade. Os projectos “SEIVACORGO” e “Proteger é Conhecer”, que estão em fase de lançamento, vão levar a efeito diversas acções dedicadas ao tema. Vila Real conta com o apoio financeiro do QREN e ON2 neste desígnio, assumindo-se como um dos municípios mais dinâmicos nesta matéria.

Continuar...

Lagartos_cbDivulgação da biodiversidade de Vila Real arrancou na semana passada
Uma campanha original serviu de mote para a primeira divulgação das espécies emblemáticas que o Município pretende preservar, evitando o seu desaparecimento e promovendo a biodiversidade de Vila Real.
Os dois novos passageiros que têm sido vistos desde 20 de Julho nos autocarros da CORGOBUS, estão a despertar o interesse generalizado da população. A campanha lançada pelo Município de Vila Real no âmbito do Projectos SEIVACORGO e "Proteger é Conhecer", integram o Programa de Preservação da Biodiversidade de Vila Real, financiado pelo Programa Operacional Regional do Norte - ON2.
Passemos agora às apresentações dos 2 novos “passageiros”. O primeiro deles é a salamandra lusitânica, que atende pelo nome científico "Chioglossa lusitanica". É um anfíbio endémico do noroeste da Península Ibérica, ou seja, o seu habitat está restrito a esta zona da Europa. Esta espécie está classificada como vulnerável no Livro Vermelho dos Vertebrados de Portugal.

Continuar...